DSC_0058

DJ Ilka Oliver nega que sua beleza tenha a ajudado na carreira: “Isso não se põe à mesa”




Apesar da forte descriminação de mulheres em um ambiente dominado por homens, a DJ Ilka Oliver, que iniciou sua carreira em 2007, ganha cada vez mais fãs.
Com uma sólida carreira nacional e internacional, a artista aposta na parte técnica como a principal chave de seu sucesso. Questionada se a beleza a ajudou a alavancar a carreira, a estrela das pistas é dura. “Dentro do ambiente profissional, beleza não se põe a mesa, ajuda, é obvio, porém a parte técnica é fundamental”, afirma.
Ainda hoje, o número de DJs homens dentro das casas noturnas continua sendo muito superior ao de mulheres. Sobre isso, Ilka acredita que as mulheres precisam ser mais profissionais, só assim continuarão ganhando o seu espaço.
Como referências, Ilka ressalta grandes nomes no cenário eletrônico, como DJ Magda, Monika Krouse, Nina Kraviz, Richie Hawtin, Marco Carola, Estefan Bodzin, Carl Cox, Betoko, Maceo Plex e Sven Vath.
Foto: Marco Pinto / MF Press Global

Foto: Marco Pinto / MF Press Global

Foto: Marco Pinto / MF Press Global

Foto: Marco Pinto / MF Press Global




No Comments

Leave a Comment